O que colocar no currículo quando não se tem experiência?

O que colocar no currículo quando não se tem experiência profissional?

Esta é uma das dúvidas mais comuns entre quem está começando a ingressar no mundo do trabalho.

Se você está a procura do seu primeiro emprego, à primeira vista, pode parecer impossível fazer um currículo sem experiência, já que a maioria das empresas pede algum tipo de experiência, mas saiba que é possível.

Neste artigo, vou mostrar como montar um currículo quando não se tem experiência profissional.

Preparado?

Vamos lá!

O que colocar no currículo quando não se tem experiencia?

Como você não possui experiência profissional, ao fazer o seu currículo, você deve se concentrar na sua formação académica e nas suas habilidades, são as únicas coisas que você tem para se gabar.

Confira a seguir as seções que não podem faltar no seu currículo:

1. Comece com seus dados pessoais

Coloque o seu nome completo, endereço, telefone, seu email e sua data de nascimento. Isso ajudará o recrutador a entrar em contato com você se quiser conhecê-lo mais em uma entrevista de emprego.

É importante que o email fornecido seja profissional, com nome e sobrenome.

Por exemplo, se o seu nome é Carmen Muchacuar, procure criar um email como este carmen.muchacuar@gmail.com, na impossibilidade de criar um email desta maneira, acrescente hífen, underline ou números, mas evite usar seu ano de nascimento.

2.  Descreva seu objetivo profissional

Logo abaixo dos dados pessoais, é preciso informar, de maneira clara e breve, qual é o seu objetivo profissional.

Em que ano você está estudando ou em que se formou. Quais são suas principais qualidades e pontos fortes, e o que você procura no emprego. 

Se você estiver a responder a um anúncio de emprego, eu recomendo que no seu objetivo profissional, você coloque o nome da vaga pretendida mais a sua motivação.

Por exemplo, imagine que você está a concorrer a uma vaga de Assistente Administrativa. O seu objetivo profissional ficaria assim:

“A procura do meu primeiro emprego como assistente administrativa numa empresa onde possa colocar em pratica meus conhecimentos em favor da instituição, focando sempre o beneficio e o crescimento da organização e o crescimento profissional.”

3. Destaque a sua formação académica

Esta seção é a mais importante num currículo para quem não tem experiência e que está à procura do primeiro emprego.

Este é o lugar certo para você mostrar que, mesmo que lhe falte experiência, você tem a formação necessária para ocupar a vaga.

Ao preencher esse campo, você deve começar da formação mais recente, sempre preenchendo o nome do curso, da instituição e o ano de conclusão ou previsão de término.

Por exemplo:

Ensino Médio Completo | Escola Comunitária de Campinas| Concluído em dez/2005

“Formou-se em contabilidade pública pelo ABC Business Institute.

Atualmente cursando 4º ano de mestrado em finanças na Universidade XYZ”.

3. Habilidades e competências

O outro ponto do currículo que os recrutadores mais observam em candidatos que ainda não têm experiência, é a parte das habilidades e competências.

Coloque aqui as suas principais competências que podem contribuir para o crescimento da empresa, baseando-se na sua experiência de vida.

Assim, você precisa fazer um exercício de autoconhecimento. Pense nas atribuições da vaga que você está disputando, quais as habilidades e competências que ela exige e que você possui?

Por exemplo, pense que você está se candidatando à uma vaga de estágio como “Assistente Administrativa” em uma grande empresa. Um dos fatores primordiais para essa vaga é ter conhecimento do pacote Office.

Você tem facilidade para mexer com computadores e sabe trabalhar com o Office?

Coloque como uma das suas competências.

“Mas o exemplo acima foi apenas uma habilidade técnica. E se eu tenho outras habilidades que podem me ajudar a conseguir o emprego?”

Com certeza deve colocá-las. Você é comunicativo(a)? Coloque na parte de competências pessoais.

Você descobriu que tem vocação para liderar equipes? Coloque também na área de competências pessoais.

Como decidir quais habilidades colocar no seu currículo sem experiência?

Siga os passos abaixo:

  1. Leia a descrição da vaga, principalmente os requisitos e responsabilidades do cargo;
  2. Faça uma lista com as habilidades mais importantes para aquele cargo, de acordo com a descrição da vaga;
  3. Coloque no currículo aquelas habilidades da lista que você domina baseando-se na sua experiência de vida.

ATENÇÃO: Coloque no máximo 7 habilidades importantes para a vaga em questão.

4. Mencione sua experiência com estágios, voluntariado e outras experiências

Caso você tenha feito algum estágio ou pequenos trabalhos, mesmo que informalmente, como ser promotor de vendas, coloque essa informação no seu currículo.

Não esconda, achando que o recrutador não vai gostar.

Eu por exemplo, no meu último ano no Instituto, fiz muitos trabalhos informais para amigos e familiares.

Eu reparava computadores.

Sempre que os meus vizinhos e amigos tivessem algum problema com seus computadores, chamavam a mim para reparar.

Quando comecei a procurar o meu primeiro emprego, uma das coisas que me ajudou muito no momento de fazer o meu currículo sem experiência, foram esses trabalhos informais.

Coloquei todos eles no meu currículo.

Por conta disso, sempre era chamado para entrevistas.

Portanto, não tenha vergonha em colocar esses trabalhos informais no seu currículo, são uma experiência também.

5. Cursos

Você fez um curso de informática?

Estudou algum idioma?

Se durante a sua formação você fez alguns cursos (presencias ou online), aqui é o melhor lugar para colocar essa informação.

6. Não esqueça das Informações adicionais

Agora que você preencheu todas as seções tradicionais do currículo, pare e pense:

Será que tem mais alguma coisa na sua vida que é importante para aquela vaga que você está se candidatando e você gostaria que os recrutadores soubessem?

Se tiver, coloque essa informação aqui.

Segue algumas informações que costumam aparecer como “Informações adicionais” em currículos sem experiência:

  • Disponibilidade de horário (se você está estudando);
  • Tipo de carteira de motorista;
  • Se você possui veículo próprio (importante para empregos em vendas).

A disponibilidade de horário é uma informação muito importante na hora de se candidatar a um emprego quando você ainda está estudando, pois tanto a empresa quer saber se o horário de estudos não interferirá no horário de trabalho.

Como conseguir um emprego mesmo sem experiência?

Sei como é ruim não conseguir emprego por falta de experiência, passei por isso.

No entanto, fique calmo. É possível conseguir um emprego mesmo sem experiência .

1. Procure emprego em empresas pequenas

Uma dica muito importante quando estiver à procura do seu primeiro emprego, recomendo que procure emprego em empresas pequenas.

Empresas pequenas têm muito mais disponibilidade para contratar jovens, mesmo vindos “fresquinhos” da universidade.

Para além disso, o acesso do candidato aos gestores da empresa é muito mais fácil do que no caso de grandes empresas, que tendem a ter um tratamento muito mais anónimo e dificultam o acesso à gestão.

Acredito que se você seguir esta dica à risca, as suas chances de encontrar o seu primeiro emprego vão duplicar.

Muitos jovens cometem o erro de se aventurar em procurar o seu primeiro emprego em empresas grandes.

Não estou a dizer que você não vai conseguir emprego em empresas grandes, mas a probabilidade de você ser contratado é mínima.

Empresas grandes não gostam de perder tempo ensinado novatos como fazer as coisas, eles querem candidatos já preparados.

Enquanto as pequenas empresas, como não tem dinheiro, sempre estão a procuram de recém-formados porque aceitam receber pouco.

Portanto, gaste 80% do seu tempo, procurando empregos em empresas pequenas, depois que você tiver um a três anos de experiência, comece a procurar emprego em empresas grandes, aí não terá muitos problemas.

2. Procure empregos que exigem pouca experiência profissional

Vejo muitos candidatos recém-formados a concorrer a vagas de emprego que exigem 5 anos de experiência, não sei se estão a tentar a sorte.

Mais uma coisa eu garanto, nunca serão chamados para entrevista. A não ser que o recrutador seja um distraído.

Procure empregos que exigem pouca experiência profissional,1 a 2 anos de experiência está bom.

As chances de ser chamado para a entrevista será maior.

Se for chamado para entrevista não tente mentir, seja sincero com o recrutador.

Diga a ele, que apesar de não ter nenhuma experiência profissional, estás disponível para aprender e dar o seu máximo.

Diga a ele, que não vai se arrepender.

Conclusão

Fazer um currículo sem experiência profissional não é fácil, mas acredito que com as dicas acima, você será capaz de fazer o seu currículo e encontrar o seu primeiro emprego.

Boa sorte!

Você pode estar interessado